Páginas
TwitterRssFacebook
Categorias

Postado por em nov 4, 2015 em -, LIGHTITUDE | 1 comentário

Escorreguei!!!! E agora?

Escorreguei!!!! E agora?

Oi amigos!

Sim, preciso confessar: recentemente não tenho me sentido um bom exemplo…Motivo?Estou “escorregando” demais! E pra voltar a ficar na linha, resolvi escrever este post pra “virar a página” dessa fase não muito boa!

Nos últimos dois meses entrei numa rotina tão intensa no meu trabalho que acabei relaxando na alimentação. Experimentei os efeitos de comer besteira e a consequência disso é que me sinto inchada e com uns quilinhos a mais…

Impressionante como a ansiedade pode levar a gente a comer mais! Nossa! Fazia tanto tempo que eu não comia biscoitos e chocolates que parece que na hora que eles apareceram na minha frente eu tinha que comer tudo de uma vez! Você deve estar pensando: “como assim, estou lendo um blog de bem estar e saúde com esse tipo de coisa escrita?!Como essa menina quer ser exemplo de alguma coisa?!”. Pois bem, vamos jogar limpo por aqui: quem nunca escorregou? Acho que a diferença está em como parar de reclamar e “arregaçar” as mangas!

Eu passei praticamente uns 2 meses trabalhando mais de 12 horas, incluindo sábado e com bastante stress. Todo dia, na sala que eu trabalhava, colocavam uma caixa repleta de guloseimas para distrair. Como eu tenho uma rotina intensa de treino, resolvi me “permitir”. Acho que isto não teria sido problema se fosse um dia ou outro mas o problema foi que ficou frequente…E isto não é legal. E, na boa, não tem desculpas, afinal, não dá pra ficar numa redoma protegida das “tentações” do planeta!

Pra voltar a me dedicar à minha alimentação me lembrei do motivo pelo qual criei este blog: pra estimular pessoas com uma rotina intensa de trabalho, com uma vida corrida, como a que eu tenho, a ter uma vida mais saudável e equilibrada, com mais LIGHTITUDE. Nunca me propus a estimular dietas malucas mas sim uma busca contínua pela saúde e, neste contexto, comer bem não deve ser esforço, mas sim um prazer pela certeza de cuidado do meu corpo. Me dei conta de que sempre fiquei feliz com meus pratos coloridos e saudáveis, de que nunca passei “fome” por causa de privações e de que nunca deixei de comer nada que gosto (porque sempre equilibro quantidades). Pelo contrário: a época que achei meu corpo mais sequinho foi justamente a época que eu que comia mais!

Ah, também assisti vídeos e li matérias que eu mesma fiz. Foi muito bom porque realmente são conselhos que ajudam. Pensamentos e idéias positivas são sempre bem vindas! E foi legal eu mesma me ouvir: afinal, acho que nós temos que ser nossos principais “motivadores”.

Então, já feito o “mea culpa”, estou de volta por aqui com minha dedicação e motivação de sempre. Eu realmente acredito no estilo de vida que propago. Não pode ser “dieta”, tem que ser “rotina”. A consciência dos benefícios e dos malefícios do que “colocamos pra dentro” do nosso corpo é o primeiro passo pra reeducação alimentar. Eu comecei este processo há uns dois anos e não é agora que, cheguei aos 34 anos com corpinho de 24 (hehehe), que vou desandar!

Estamos juntos! Escorreguei mas já estou firme de novo!

Nada de desâmino! Certamente viver light vale a pena!

Beijos,
Fabi

1 Comentário

  1. Muito bom! Não pode ser dieta e sim rotina de vida saudável. ..adorei a mensagem!

    [Responder]

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *