Páginas
TwitterRssFacebook
Categorias

Postado por em set 3, 2015 em -, LIGHTITUDE | 0 comentários

Todos temos problemas, mas como se reerguer?

Todos temos problemas, mas como se reerguer?

Quando as coisas não dão certo bate uma tristeza…às vezes nos dedicamos tanto a algo e ela sai totalmente diferente do que a gente imaginava. Uma entrevista de emprego que não te chamaram, uma conversa que virou uma briga, um término de relacionamento, enfim, a frustração é um sentimento bastante difícil de lidar.

 

Eu sempre crio expectativa sobre tudo. Na verdade sempre que vivo algo bacana, me dedico e vou à luta pra fazer dar certo. Seja no trabalho ou na vida afetiva a minha sensação é que sempre mergulho de cabeça. Às vezes acabo rachando a testa no fundo da piscina…

 

Ando muito reflexiva sobre várias questões da minha vida e por isso compartilho com vocês um pouco das minhas conclusões sobre como agir diante de frustrações. São pensamentos muito pessoais mas que têm me ajudado a superar muitas coisas ao longo dos anos…Diante do senso comum não tenho grandes problemas: não me falta comida, saúde, emprego e nem me falta família. Mas enfim, cada um sabe suas próprias “dores”e certamente o seu problema não é comparável com o problema do outro. Simplesmente cada um tem o seu e quando vivemos aquilo, não importa se você não está com uma doença terminal ou não, o que importa é que pra você aquele é um problema grande.

Então vamos às minhas conclusões:

“Eu não consigo controlar o universo ao meu redor.”

Pode parecer óbvio, mas a simples percepção que muitas coisas acontecem independente da nossa vontade, nos tira um peso das costas.

“Eu não tenho culpa.”

O que acontece conosco de certa forma tem sempre um pouco de responsabilidade nossa mas NÃO SE CULPE. Você pode se alimentar bem e se cuidar e mesmo assim ter uma doença séria. Você pode ter sido a melhor namorada do mundo e ainda assim ele ter terminado por não te amar. A culpa não é sua.

“Chore.”

Viver plenamente um momento de tristeza, ajuda a superar. Não sufoque os próprios sentimentos. Se essa tristeza não tiver fim, procure um especialista. Chorar faz parte mas fique alerta e saiba pedir ajuda ao sinal de depressão.

“Aceite sua realidade.”

Não estou dizendo para não buscar se reerguer mas aceite a sua realidade. Não viva em negação. Se algo ruim aconteceu ou está acontecendo, aceite o problema para buscar uma solução. Se fechar os olhos e sentar em cima, ele não vai sumir de uma hora pra outra.

“Valorize as pequenas coisas.”

Dê mais atenção a coisas aparentemente “pequenas”, corriqueiras do dia a dia. Saboreie uma boa refeição, abrace um amigo, sinta o vento no rosto, vislumbre uma linda paisagem, enfim, experimente as felicidades do dia a dia que elas certamente te ajudarão a superar.

 

Na vida coisas boas e ruins acontecem. Ninguém é feliz 100% do tempo. Mas acho que bem estar e equilíbrio tem muita a haver com auto reflexão e superação individual.

Dê tempo ao tempo e faça a sua parte! Estamos juntos!

Beijos,

Fabi

 

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *