Páginas
TwitterRssFacebook
Categorias

Postado por em ago 7, 2015 em -, SAÚDE | 0 comentários

A atividade física no combate à escoliose!

A atividade física no combate à escoliose!

Oi pessoal,

Colaborador novo na área! Pra dar mais um gás na divulgação dos assuntos relativos à educação física, o Vitor Calixto agora integra este time! Ele é educador físico e pós graduado em Gestão e Marketing Esportivo!
Espero que curtam esta primeira matéria! Nada de achar que dor nas costas é normal, hein!? Pode ser escoliose, e, se for, a atividade física pode te ajudar! Um beijo grande, Fabi

cabeçalho Vitor Calixto

Fala galera,

Gostaria de agradecer a Fabi pela oportunidade de poder dividir com vocês este assunto que é de suma importância na qualidade de vida de todos nós.

A escoliose é um desvio lateral e rotatório da coluna vertebral.

As causas mais frequentes são:
– Escoliose congênita (de nascença)
– Escoliose Neuromuscular
– Escoliose idiopática (causa desconhecida)

Quanto maior o grau de desvio da coluna, mais o indivíduo pode ter consequências no futuro.

Existem vários aspéctos relacionados à escoliose, o aspécto principal está ligado a postura inadequada. A má postura, gera fraqueza nas musculaturas do CORE (conjunto de músculos localizados no abdome, quadrado lombar, pelve e quadril) podendo ocasionar dores na região das costas.

Dicas simples para manter uma boa postura:
– Quando estiver de pé, não apoie o peso corporal em apenas uma das pernas.
– Quando estiver deitado, evite ficar de bruços e com uma das pernas flexionada.
– Mantenha a coluna reta ao se sentar.
– Equilibre o peso que estiver manuseando, para que um lado do corpo não fique sobrecarregado.

Exemplos de exercícios que auxiliam na estabilização:
Escoliose

A inclusão de atividades físicas na rotina diária ajuda a amenizar tais problemas e evitar dores, proporcionando uma melhora na saúde e na qualidade de vida. A proposta é trabalhar exercícios de estabilização do CORE, de forma a estimular o fortalecimento simultâneo de todas as musculaturas do corpo.

Procure a orientação de um professor de Educação Física, para garantir que os movimentos não só alinhem a coluna como fortaleçam os músculos capazes de deixá-los na posição certa.

Nada de achar que é normal dor nas costas! Se cuide!

Abraços!
Vitor

Referências:
1. Aebi M. The adult scoliosis. Eur Spine J Off Publ Eur Spine Soc Eur Spinal Deform Soc Eur Sect Cerv Spine Res Soc. 2005 Dec;14(10):925–48.
2. FLECK, STEVEN J. / KRAEMER, WILLIAM J. Fundamentos do treinamento de força muscular. Porto Alegre; Editora ArtMed: 1999

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *