Páginas
TwitterRssFacebook
Categorias

Postado por em nov 19, 2014 em SAÚDE | 0 comentários

TRANSTORNOS ALIMENTARES: eles podem estar mais perto do que imaginamos

TRANSTORNOS ALIMENTARES: eles podem estar mais perto do que imaginamos

Hoje em dia ninguém se assusta ao ver uma mulher magra negar um doce porque está de dieta. Os padrões estéticos estabelecidos pela sociedade moderna fazem com que muitas pessoas adquiram rotinas alimentares extremas não compatíveis com seu peso corporal. O que muitos não sabem é que uma EXCESSIVA PREOCUPAÇÃO COM O CORPO pode levar a distúrbios no comportamento alimentar que podem comprometer nossa saúde física e mental – o que chamamos de TRANSTORNOS ALIMENTARES.

Acometem 1% da população mundial, principalmente jovens de classe sócio econômica médio ou superior, dos 14 aos 17 anos, podendo acometer mulheres até os 40 anos. São eles:

ANOREXIA NERVOSA:

A pessoa apresenta grande DISTORÇÃO DA SUA AUTO-IMAGEM, considerando-se mais gorda do que realmente é. O paciente apresenta um peso bem abaixo para a sua altura.

BULIMIA NERVOSA:

A pessoa apresenta uma grande PREOCUPAÇÃO COM O PESO, mas GOSTAM MUITO DE COMER. Ao apresentarem ataques compulsivos de comer, se sentem culpados e acabam provocando vômitos ou tomando medicamentos como laxantes, diuréticos, hormônios tireoidianos, etc. Neste caso, o paciente tem peso normal ou acima do normal.

TRANSTORNO DE COMPULSÃO ALIMENTAR PERIÓDICA:

A pessoa apresenta episódios recorrentes de COMPULSÃO ALIMENTAR. O paciente não tem controle sobre o quê comer e sua quantidade, não conseguindo parar de comer por 2 horas. É comum em obesos e em pessoas com flutuações do peso.

POR QUE ISSO ACONTECE?

As causas são complexas, apresentando influência da genética e do ambiente. Seu tratamento inclui participação de uma equipe multidisciplinar, composto por um clínico, psicólogo, nutricionista e psiquiatra.

O mais difícil nestes transtornos é a pessoa perceber que ela está doente. Então, se você começar a receber conselhos de amigos de que seu comportamento alimentar está excessivo (para mais ou para menos) e que você está com excesso de exercícios, CUIDADO, você pode estar diante de um transtorno alimentar!

Lembre-se:devemos ter sempre disciplina e limites em nossa rotina alimentar, para assim podemos VIVER SEMPRE LIGHT!

transtornos

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *