Páginas
TwitterRssFacebook
Categorias

Postado por em nov 7, 2014 em LIGHTITUDE | 0 comentários

Offline X Online: o quanto você se conecta?

Offline X Online: o quanto você se conecta?

O quão offline você costuma ficar?

Sinceramente: o quanto se sente “em apuros” quando seu celular fica sem bateria?

Eu me incluo no grupo das pessoas que ficam a todo momento conectadas. Agora com o BLOG eu assumo que cada vez mais tem sido difícil ficar longe do meu aparelho multifuncional pois além do tradicional Facebook, eu ainda tenho Pinterest, Twitter, Canal You Tube e Instagram! Fora os outros aplicativos que não saem da minha vida…como os de corrida e o de música…e justamente por estar cada dia mais dependente de WI FI, é que resolvi propor esta reflexão conjunta com vocês. Afinal, eles devem fazer parte da nossa vida para nos AJUDAR e não para nos ESCRAVIZAR!

Será que não estamos perdendo um pouco com esta postura super conectada? O que pode estar ocorrendo ao nosso redor enquanto olhamos cada vez mais pra baixo? Como está a qualidade das nossas conexões reais?

Repare: não raro se encontra casais em restaurantes ou bares aonde um está a frente do outro com o celular na mão; ou mesa de amigos em que a grande maioria está com o celular enquanto a minoria conversa…isso, além de não ser simpático, pra não dizer falta de educação, faz com que as pessoas não aproveitem aquele tempo como poderiam. Será que ao encontrar com pessoas que se gosta não vale a pena se desconectar um pouco?

E durante o trabalho? Às vezes você está no meio de algo super importante, super concentrado, e de repente começam aquelas notificações do whatsapp daqueles grupos gigantes de pessoas…é óbvio que quando toca aquele “apito” de que algo chegou, fica difícil segurar a curiosidade e você acaba interrompendo o que está fazendo…

Enfim, de uns tempos pra cá tenho buscado estabelecer os momentos em que me conecto, para que eu tenha alguns momentos “offline”. Seja uma paradinha a cada uma horinha de trabalho, ou seja no retorno pra casa, eu tenho buscado estabelecer uma rotina menos “dependente” da olhada de 5 em 5 minutos no celular…e assumo que é um desafio!

Outra coisa também que tenho feito é colocar no modo “não perturbe” na hora de dormir. Até porque eu sou bem enrolada e não consigo tirar todas as “notificações” que existem…ou seja, o celular fica “apitando” a cada spam que minha caixa de e-mails recebe! Isso com certeza melhorou, e MUITO, a qualidade do meu sono.

Neste exato momento em que escrevo estou dentro de um avião. Único lugar que, pelo menos por enquanto, as pessoas são obrigadas a ficarem offline. E, pensando bem, estão todos “sobrevivendo” aqui dentro. Mães com filhos, homens de terno, o adolescente do meu lado com seu som nas alturas que escuto mesmo com o fone, risos, enfim, pessoas de vários perfis estão todas conseguindo ficar uma hora sem wi fi e, ao que tudo indica, estão bem tranquilas.

Por fim, percebo que os momentos em que esqueço completamente de me conectar são aqueles que estou fazendo algo que CURTO MUITO. Noites a dois, viagens maravilhosas, piscina com sobrinha, enfim, existem momentos tão deliciosos que eu acabo desencanando totalmente de olhar o celular…Então sugiro uma última REFLEXÃO: se você depende tanto da vida ONLINE, será que no OFFLINE não estão faltando momentos que fazem valer a pena se DESCONECTAR por completo?

Se este for o caso, busque mais estes momentos. A vida é muito maravilhosa pra se limitar a experiências virtuais.

Viva Light!

Minha vista da janela do avião em um dos meus poucos momentos OFFLINE!

Minha vista da janela do avião em um dos meus poucos momentos OFFLINE!

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *